Margarida Lupi


... A minha Mãe morreu em 1974 pouco depois ou durante o 25 de Abril, lembro-me disto porque o meu Pai e Avós paternos foram chamados para o Porto nessa altura de urgência e tiverem grandes dificuldades em lá chegar com a confusão, eu tinha 3 anos e meio na altura, não me lembro dela, ... Dela só me lembro de umas vagas imagens no Hospital ... uns anos mais tarde a minha Avó materna disse-me que nesse dia a minha Mãe tinha sido enterrada e ela tinha ficado a tomar conta de mim...

[por Miguel Lupi Alves, e-mail 05/05/2008]


Filha de Jorge Lupi, casou com Luis Alves, morreu com pouco mais de 30 anos (na segunda metade da década de 70), deixando um filho chamado Miguel Lupi Alves, que tem hoje à volta de 35 anos. Calculo que a Margarida tenha nascido aí por 1945.

[por Miguel Alves Caetano, 20/04/2008]


Margarida... vejo agora que, tia Margarida Lupi...

Lembro bem garoto de na Casa do Estoril, com a avó Amélia, creio que o avô Lupi ainda vivo, de a Margarida ir lá a casa fazer eventuais visitas. Que tempos... os postais da avó... a estufa fria com seus peixinhos, o jardim cheio de flores com a aléia de palmeiras com o castelinho ao fundo e, mais abaixo, o "meu campo de patinação" em cima daquelas garagens sob a águia de pedra, para mim um mundo fantástico a explorar (como todo o universo do avô Lupi). E o Tamariz... o parque do casino... as arcadas... sem esquecer o supermercado do outro lado da linha do comboio onde a gente palmava chocolates e bolachas sob o olhar atento do dono que depois levava a conta para a avó pagar...

Pois é, a Margarida, lembro de uma moça alta, esbelta, jovial e bem simpática, de sorriso bem aberto. Uma Lupi com certeza.

Parece que faleceu jovem...

[depoimento de Miguel D S Lupi, 15/03/2008]


Ir para a Página Inicial ou para o Quadro Geral