Ramos de Hortênsia Caldeira Fernandes Lupi


Temos vários nomes dignos de nota, que conseguimos agrupar num mesmo ramo, de acordo com o quadro abaixo, segundo as informações que o Nuno nos trouxe por e-mail, acrescidas de outras pesquisas (Miguel Alves Caetano e recentemente, Manuela Lupi e Costa):

  ___ Lupi (Italiano da Toscânia)
c. Hortênsia Caldeira Fernandes (alfacinha)
Sr. ___ (1º casamento)
=que gerou os 2 filhos=
Luís Caldeira Lupi
* 1901
(2º casam/ Nita)
Augusta Lupi Fernandes da Silva e Costa (ATUTA) (outra irmã) Amália Lupi
c. Manuel Pereira Manso
c.Mariana Duarte de Almeida Lupi
 (Nita Lupi - poetisa [mc])
c. Hugo Henrique da Silva e Costa c. Álvaro Fragata
Maria Isabel Duarte de Almeida Lupi (4/9/1921)
c. José Lourenço Fialho (Alentejo)
[pediatra e pianista]
Francisco Duarte de Almeida Lupi (6/3/1920)
(Campeão de Xadrez)
(+ 1954
[mc])
c.
Joaquina Ruiz Helgueras
Vasco Caldeira Lupi e Costa
c. Ivone
Óscar Henrique
Lupi e Costa
c. Maria Manuela Marreiros Neto
Lupi e Costa

 

Guiomar
c. Betinho
    Ruy Pereira Lupi Manso
* 30/04/1921, + 20/01/2000
c. Maria Antónia
Correia da Cunha Manso
Ramo Duarte
Lupi Fialho

José Pedro
Manuel João
Ana CVSS

Fernando Luis Helguera Lupi Duarte (1949)
c. Ana Maria Melo Machado Monterroio Lencastre

Ana Luísa Lupi Almeida
c. Carlos Alberto Álvares

Francisco José Helguera Lupi Duarte
c. Margarita Sanchez

Vasco
e
Rui (+)
(Hóquei / Benfica)
Ramo Lupi e Costa
Arlete
Carlos
Jorge e
Óscar
1 filho,

e uma neta em Vilamoura!

    Ramo Morais da Cunha Lupi Manso:
Rui Miguel *1955 +1978
Francisca Teresa *1957
Maria João *1959 e
Nuno Lupi * 1961

 

Ramo Lupi e Costa

Arlete Maria Caldeira
Lupi e Costa Estrela Portugal
 
Carlos Henrique Marreiros
Lupi e Costa
 
Jorge Henrique Marreiros
Lupi e Costa
 
Óscar Henrique Marreiros
Lupi e Costa
c. Octávio Portugal Brandão Estrela

Eunice Lupi Brandão Portugal *31/07/61

c. Maria Isabel Cabrita Lupi e Costa

Maria Alexandra Cabrita Lupi e Costa *25/02/60
c._____
filhos: Margarida Lupi, Patrícia Lupi e Gonçalo Lupi

c. Beatriz Ferreira da Silva Lupi e Costa

Maria Manuela da Silva Lupi e Costa *12/08/1959
c. Mário José de Oliveira Nunes  e

Jorge Eduardo da Silva Lupi e Costa *28/09/1961
c. Maria Irene de Jesus Simão Lupi e Costa
(filha Maria Manuela Simão Lupi e Costa *11/10/1984)
e de Noémia Severino Pessoa
(filha Jéssica Pessoa Lupi e Costa * 03/06/2000)
 


e de Lizete Rosado Carvalho
Paulo Jorge Rosado Carvalho Lupi e Costa

c. Maria de Fátima Corte-Real  Lupi e Costa

António José Corte -Real Lupi e Costa
c. Débora Freitas
(filhas Tozeriana de Freitas Lupi e Costa e Rosa de Fátima de Freitas Lupi e Costa

 

Com tantos renomados, achamos por bem deixar os detalhes de cada um no seu próprio link no quadro.

Passamos agora a três relatos esclarecedores sobre este grupo familiar.


[ by Nuno Lupi, por e-mail  9/3/2009]

O meu tio-avô Luís Caldeira Lupi ( a minha Mãe julga que ele seria natural do Alentejo) foi casado com Mariana Duarte de Almeida Lupi (Nita Lupi) de quem não teve qualquer filho. Contudo, Nita Lupi teve dois filhos de um anterior casamento: Guiomar (acreditamos que Nuno queria dizer Maria Isabel) e Francisco.
Francisco (Campeão de Xadrez) morreu muito novo com problemas cardíacos e Guiomar (ou Maria Isabel) casou no Alentejo com um Dr. José Fialho.

Recordo que a minha Avó paterna, Amália Lupi (casada com Manuel Pereira Manso), para além do irmão Luís Caldeira Lupi (feito Visconde de Baçaim pelo Papa João XXIII) teve uma irmã, Augusta Lupi.

Esta minha tia-Avó, Augusta Lupi, teve 3 filhos do primeiro casamento (a minha Mãe não se recorda do nome do primeiro marido) : Vasco, Óscar e Guiomar tendo casado posteriormente com Álvaro Fragata.

A minha Mãe refere ainda a existência de Ana Luíza, filha de Francisco Lupi e de uma espanhola cujo nome não recorda.


[ by Miguel Alves Caetano, por e-mail  6/4/2009 (semi-editado por ml)]

 

            Juntando as informações prestadas por Nuno Lupi Manso em 2009, com as recolhidas por Ana Álvares Caetano nos anos 80 em entrevista com Nita Lupi e, ainda, as que constam das memórias de Luís C. Lupi, publicadas em 1971 e 1972, arrumámos o texto que se segue.

 

I.       A Família

O primeiro nome mencionado nesta história é o de Hortênsia Caldeira Fernandes[1], que casou com um Lupi, até agora não identificado.

Este casal teve quatro filhos, três raparigas e um rapaz, que era o mais novo[2], embora as notas de Nuno Lupi Manso apenas identifiquem duas raparigas.

Aí por 1902 ou 1903, a família mudou-se para Moçambique, à procura duma vida melhor[3].

Aí, Amália conheceu Manuel Pereira Manso, com quem veio a casar. Segundo Luís C. Lupi, este teve uma carreira de sucesso na Banca. Este casal teve descendência, conforme quadro acima.

Sua irmã Augusta também casou com um rapaz que conheceu em Moçambique, Hugo da Silva[4], de quem teve descendência, casando posteriormente com Álvaro Fragata[5].

 

O irmão mais novo, Luis nasceu na Calçada da Estrela, numa velha casa, em 27-XI-1901. Foi baptizado na Igreja dos Jerónimos, para não quebrar uma tradição familiar muito antiga[6]. Ainda criança de colo foi para Moçambique com os pais.

Regressou à Metrópole com dez anos, para estudar. Veio a acabar os estudos secundários em Moçambique. Com vinte e poucos anos conhece Mariana Duarte de Almeida Lupi, que já tinha dois filhos, tendo casado com ela e adoptado os seus filhos, que passaram a usar o apelido “Lupi”. Estes dois filhos tiveram descendência[7].

 

De facto, Luis Caldeira Lupi não teve descendentes de sangue, pelo que esta linha “lupi” morreu com ele. Mas considerando que foi uma família com projecção, transcrevemos o que diz a Grande Enciclopédia Portuguesa e Brasileira sobre eles, nos próprios links no quadro.

 

II.     Sobre as origens deste “Ramo Lupi”

Apenas se conhecia a existência de Luís Caldeira Lupi, de quem não existiam descendentes de sangue. As informações de Nuno Lupi Manso reabrem o processo. A descendência foi assegurada pelas irmãs de Luís C. Lupi e aqui abrem-se, pelo menos, duas hipóteses quanto à origem do apelido:

 

- Segundo Mariana Duarte de Almeida (Nita Lupi), Luís Caldeira Lupi e as suas irmãs eram sobrinhos-netos de Miguel Ângelo Lupi. Se fosse assim, seriam descendentes de José Maria ou José Melchíades, ou de Joaquim José ou de João Evangelista, mas tal não nos apareceu em nenhuma das investigações efectuadas. Pode ainda ter acontecido que outro Lupi, primo ou irmão de Francisco Lupi, que se julgava ter sido o primeiro e o único a fixar-se e criar família em Portugal, tivesse também vindo para este país, fixando-se pela região de Portalegre.

 

- Com efeito, Nuno Lupi diz que a sua Mãe julgava que Luís Caldeira Lupi e as suas irmãs fossem naturais do Alentejo. Já se viu que, nas suas Memórias, Luís Lupi diz ter nascido em Lisboa, o que não impede que o seu pai e a sua mãe tivessem origens alentejanas. Na família de Nuno Lupi pensa-se que o antepassado inicial teria vindo da Toscânia, o que coincide “grosso modo” com a origem da família Lupi que temos vindo a estudar (passaram da Toscânia para a Úmbria e daí para Roma). E é fácil confirmar que a família Caldeira Fernandes, que Nuno Lupi diz ser o apelido completo da família do lado feminino, é originária do distrito de Portalegre. Mas nesta linha de Portalegre existe ainda outra tese, que tem também origem na Grande Enciclopédia Portuguesa e Brasileira: “Há, presentemente quem use em Portugal o apelido Lupi sem, contudo, pertencer a esta família, mas, por adulteração gráfica de Lupe, que é, também, nome de uma ribeira no distrito de Portalegre, cuja nascente está próximo de Veiros.” 

 

- [ml-julho/2009] Ainda outra possibilidade ligada ao pintor Miguel Ângelo, seria descenderem do perfilhado Joaquim Fernando. Seria o tal Lupi, pai de Luis Caldeira Lupi, filho de Joaquim Fernando, perfilhado por Miguel Ângelo Lupi?

 

III.  Concluindo

Resta aguardar os comentários que a família de Nuno Lupi Manso quiser fazer sobre este conjunto de informação, ajudando a esclarecer as origens de mais outro “Ramo Lupi”, a quem juntamos agora a solicitação de subsídios a José Pedro Lupi Fialho.

 

[1]  Nas suas notas, Nuno Lupi Manso chama-lhe Hortênsia Caldeira Fernandes Lupi Manso, o que não confere com a informação restante. Como veremos, é uma das suas filhas, Amália, que casa com Manuel Pereira Manso, dando origem ao apelido “Lupi Manso”.

[2]  “MEMÓRIAS – Diário de um inconformista (1901 a 1938)”, por Luis C. Lupi, Lisboa 1971.

[3]  Idem.

[4]  Idem.

[5]  Informações de Nuno Lupi Manso.

[6] Idem, “MEMÓRIAS – Diário de um inconformista (1901 a 1938)”, por Luis C. Lupi, Lisboa 1971.

[7] Entrevista realizada por Ana Álvares Caetano (mulher de João Marcello Lupi Caetano), nos anos 80, a Mariana Duarte de Almeida, que usava como nome artístico Nita Lupi.

[8] Idem,  “MEMÓRIAS – Diário de um inconformista (1901 a 1938)”, por Luis C. Lupi, Lisboa 1971.

 


[ by Maria Manuela da Silva Lupi e Costa, por e-mail  5/7/2010]

Sobre a Família O NOSSO tio-avô Luís Caldeira Lupi foi casado com Mariana Duarte de Almeida Lupi (Nita Lupi) de quem não teve qualquer filho. Contudo, Nita Lupi teve dois filhos de um anterior casamento:  Maria Isabel e Francisco QUE FORAM PERFILHADOS E ficaram Lupi!
Francisco (Campeão de Xadrez) morreu muito novo com problemas cardíacos e a Isabel casou no Alentejo com um Dr. José Fialho (grande médico Pediatra e excelente Pianista).

Recordo que a minha Avó paterna, Amália Lupi (casada com Manuel Pereira Manso), para além do irmão Luís Caldeira Lupi (feito Visconde de Baçaim pelo Papa João XXIII) teve uma irmã, Augusta  Caldeira Lupi.

Esta tua  tia-Avó E MINHA AVÓ, Augusta Lupi " ATUTA", teve 3 filhos do primeiro casamento (a minha Mãe não se recorda do nome do primeiro marido) : Vasco, Óscar e Guiomar tendo casado posteriormente com Álvaro Fragata.

A Guiomar, casada com o Bétinho e tiveram um filho que não recordo o nome mas em Vilamoura existe uma neta da Tia Guiomar, com quem estive mas não recordo o nome.....

O Vasco Caldeira Lupi e Costa ficou por Portugal onde tirou a Licenciatura em Políticas Ultramarinas e casou com a Ivone e teve dois filhos - Vasco e Rui (grandes jogadores de Hóquei do Benfica! Infelizmente o Ruizinho faleceu à 2 anos!

O Óscar Caldeira Lupi e Costa (Meu  querido e saudoso Avó!) foi muito jovem para Angola, Luanda, onde foi um dos pioneiros da Aviação Angolana. Casou com Maria Manuela Marreiros Neto Lupi e Costa. DESTA UNIÃO NASCERAM 4 FILHOS:  a  Arlete Maria Caldeira Lupi e Costa,  o Carlos Henrique Caldeira Lupi e Costa, o Jorge Henrique Marreiros Lupi e Costa  e o Óscar Henrique Marreiros Lupi e Costa

A Arlete Maria Caldeira Lupi e Costa casou com o Estrela Brasndão Portugal e tiveram uma filha Eunice Lupi Brandão Portugal  - nasceu a 31.07.1961; é solteira e actualmente a residir em Portugal 

O Carlos Henrique Caldeira Lupi e Costa casou com a Maria Isabel Cabrita Lupi e Costa e tiveram uma filha Maria Alexandra Cabrita Lupi e Costa -  nasceu a 25.02.1960; casou e tem 3 filhos - a  Margarida Lupi , Patrícia Lupi e o  Gonçalo Lupi.

O Meu querido e Saudoso Pai,  Jorge Henrique Marreiros Lupi e Costa, casou com Beatriz Ferreira da Silva Lupi e Costa, minha mãe. Desta união, nasceram dois filhos, eu, Maria Manuela da Silva Lupi e Costa (12.08.1959) e meu irmão, Jorge Eduardo da Silva Lupi e Costa, nascido a 28-09-1961.  Extra -Matrimónio existe um filho de meu Pai, que é o Paulo Jorge Rosado Carvalho Lupi e Costa.  Eu, estou casada com Mário José  de Oliveira Nunes , sem filhos. O meu irmão casou  com Maria Irene de Jesus Simão Lupi e Costa e tiveram uma filha, Maria Manuela Simão Lupi e Costa, nascida a 11.10.1984. Extra-Matrimónio exista uma filha, Jéssica Pessoa Lupi e Costa, nascida a 03.06.2000.

O Óscar Henrique Marreiros Lupi e Costa, casou com Maria de Fátima Corte-Real Lupi e Costa e tiveram um filho, António José Corte-Real Lupi e Costa casado com Debora Freitas . Desta união tem duas filhas a  Tozeriana de Freitas Lupi e Costa e  a Rosa de Fátima de Freitas Lupi e Costa

[Correções de 08/07/2010]
 

Avó - nome correcto: Óscar Henrique Lupi e Costa, natural de Lourenço Marques, Moçambique, Director da Aeronáutica Civil de Angola , falecido a 28-02-67 com 54 anos de idade,    filho de Henrique da Silva  e Costa  NATURAL DE GOA e de Augusta Lupi Fernandes da Silva e Costa (ATUTA) casado com Maria Manuela Marreiros Neto Lupi e Costa, natural de Cabinda, Angola.
 
O 1º MARIDO DA ATUTA foi HENRIQUE DA SILVA E COSTA, natural de Goa, residente em Lourenço Marques.
 
Existe um Hugo que me recordo do meu pai falar mas.....tenho que descobrir.....segundo a minha mãe tivémos em casa dele em Lourenço Marques mas eu teria 7 ou 8 anos e francamente, não me lembro!!!
 
O meu Pai, Jorge Henrique Marreiros Lupi e Costa, Piloto-Aviador, faleceu a 25-02-1977 em Luanda, Angola.
 
A Jéssica Pessoa Lupi e Costa, é filha de Jorge Eduardo da Silva Lupi e Costa e de Noémia Severino Pessoa
 
O Paulo Jorge Rosado Carvalho Lupi e Costa, é filho de Jorge Henrique Marreiros Lupi e Costa e de Lizete Rosado Carvalho
 
 
----PRIMO, é   OCTÁVIO PORTUGAL BRANDÃO ESTRELA   -   Já falecido - O NOME DO MARIDO DA  ARLETE MARIA CALDEIRA LUPI E COSTA   ESTRELA  PORTUGAL    Houve um lapso de escrita, tá?
 
----O CARLOS HENRIQUE MARREIROS LUPI E COSTA CASADO COM MARIA ISABEL CABRITA LUPI E COSTA - Tinha escrito Carlos Henrique Caldeira....NÃO !    o   tio   carlos    É   MARREIROS!

 


Ir para a Página Inicial ou para o Quadro Geral